A importância de cuidar bem do motor do seu carro flex

O etanol traz inúmeras vantagens para os motoristas. É um combustível sustentável e mais limpo, além de, em alguns estados, ter o menor preço em relação à gasolina. Porém, é preciso saber que o uso frequente corre riscos de corrosão às peças do motor

Abastecimento de carro flex

etanol faz parte da vida do motorista brasileiro desde 1979, quando foram lançados os primeiros veículos movidos 100% pelo combustível derivado da cana de açúcar, popularmente conhecido como álcool.

A intensificação no uso do etanol só veio mesmo a partir de 2003, com a chegada ao mercado dos veículos bicombustíveis, que podem escolher rodar com gasolina, etanol ou sua mistura em qualquer proporção. Atualmente, os carros flex são os de maior preferência pelos brasileiros e estão presentes nas ruas, avenidas e estradas pelo país afora.

Relatório da frota circulante feito pelo sindipeças o ano passado, aponta que os veículos flex representaram 67,1% da frota total, com expectativa de crescimento em 2020.

Combustível mais limpo e renovável e até mais barato

Veículos movidos pelo biocombustível de cana-de-açúcar trazem vantagens. Afinal, se trata de uma opção limpa, renovável e sustentável de geração de energia,além do menor preço na bomba em relação à gasolina.

No dia a dia, o motorista precisa ficar atento aos cuidados com o motor constantemente abastecido com etanol.

Os maiores problemas referentes à corrosão de peças do motor pelo uso prolongado do etanol têm sido atenuados ao longos dos anos, mas danos ainda podem ocorrer, especialmente em casos de combustível de má qualidade e fora da especificação da ANP, com teor de água acima do permitido.

Cuidados contra a corrosão

Segundo especialistas, o uso prolongado do etanol pode provocar a formação de resíduos e causar corrosão nos bicos injetores, bomba e filtro de combustível, além dos sensores eletrônicos como medidor de nível do combustível.

Para evitar esses problemas, além de abastecer em postos de confiança, o motorista pode lançar mão de produtos que auxiliam na conservação dessas peças.

Compartilhar este post

Share on facebook
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp
Share on telegram

Veja mais conteúdos

×